Nossa Senhora dos Navegantes
 
Festas populares e religiosas realizadas em Porto Alegre (RS) e em Laguna (SC) no dia 2 de fevereiro. Em Porto Alegre, uma procissão de barcos enfeitados acompanha a embarcação que conduz a imagem da santa pelo rio Guaíba; em Laguna, a procissão se realiza nas lagoas de Santo Antõnio e Imaruí.

A festa de Nossa Senhora dos Navegantes em Porto Alegre é também chamada pelo povo de festa das Melancias. É uma festa de origem portuguesa realizada no rio Guaíba.
A imagem da santa é colocada em outra igreja e a procissão leva-a de volta à sua igreja, alcançando o porto dos Navegantes, onde ficará até o ano seguinte.
Tal qual na Bahia, como fazem os devotos de dona Janaína, os gaúchos lançam nas águas do rio Guaíba os presentes para a Nossa Senhora dos Navegantes - flores, fitas, grinaldas.

As moças que desejam arranjar um bom casamento pedem a proteção da Nossa Senhora dos Navegantes e prometem dar seu vestido de noiva a Nossa Senhora, se forem atendidas. A promessa é cumprida com grande alegria. O vestido da noiva é lançado no Guaíba, neste dia. O vestido desaparece nas águas, mas a moça ganhou um bom marido.

No fim da procissão começa a festa, barracas e mais barracas, comidas, bebidas, muitas melancias, abacaxis, butiás (coquinhos). E muita alegria, porque é um dia de festa gaúcha.

 
Volta para a Ritos do Sul
Volta ao Topo Vai para a Recomenda das Almas



Sociedade e Cultura Grande Enciclopédia Larousse Cultural. São Paulo: Nova Cultural, 1995.
BRASIL, histórias, costumes e lendas - Alceu Maynard Araújo.  São Paulo: Editora Três Ltda., s/data
Ilustração: José Lanzellotti